Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/6042
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso
Title: Avaliação de variedades da alface (Lactuca sativa l.) submetidas a doses de urina de vaca
metadata.dc.creator: Ferreira, Jonathan de Araújo Moraes
metadata.dc.contributor.advisor1: Paes , Reinaldo de Alencar
metadata.dc.contributor.referee1: Reis , Ligia Sampaio
metadata.dc.contributor.referee2: Santos , João Paulo de Oliveira
metadata.dc.description.resumo: A alface (Lactuca sativa L.) figura entre as hortaliças mais consumidas no Brasil e no Mundo, movimentando 8 bilhões de reais por ano no mercado varejista brasileiro. A demanda por alimentos orgânicos tem crescido substancialmente nos últimos anos, aumentando a busca por estratégias de manejo que visem a utilização de compostos orgânicos que atuem na nutrição e na proteção das plantas nos diferentes sistemas produtivos. Nesse contexto, esse trabalho objetivou avaliar o desempenho de seis variedades de alface submetidas a aplicação de urina de vaca, cultivadas em vaso. O experimento foi conduzido no Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal de Alagoas. O delineamento experimental adotado foi o inteiramente casualizado, distribuído em esquema fatorial 6x2, sendo seis variedades pertencentes ao grupo crespa (Cinderela, Mimosa, Itaúna, Palmas, Elba e Brava) e duas doses de urina de vaca (0 mL e 60 mL) com 5 repetições. Foram avaliadas: número de folhas (NF), altura de plantas (AP) e diâmetro médio (DM), para a avaliação da produção, foram consideradas: massa fresca da parte aérea (MFA) e massa seca da parte aérea (MSA), massa fresca da raiz (MFR) e massa seca da raiz (MSR). As variedades que apresentaram os melhores desempenhos para as variáveis NF, AP e DM, foram respectivamente (Brava, Palmas e Cinderela). Para as variáveis MFA e MSA a variedade Cinderela apresentou os maiores resultados, em relação a MFR e MSR a variedade Palmas apresentou valores superiores as demais. Constatou-se que a aplicação de urina de vaca influenciou positivamente os valores me MFA e MAS, evidenciando a eficiência do composto liquido como fonte nutricional na cultura do alface.
Abstract: Não possui.
Keywords: Adubação orgânica
hortaliças
biofertilizante
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Alagoas
metadata.dc.publisher.initials: UFAL
metadata.dc.publisher.department: Curso de Agronomia
Citation: FERREIRA, Jonathan de Araújo Moraes. Avaliação de variedades da alface (Lactuca sativa L.) submetidas a doses de urina de vaca. 2019. 36 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Agronomia) – Centro de Ciências Agrárias, Graduação em Agronomia, Universidade Federal de Alagoas, Rio Largo, 2018.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/6042
Issue Date: 19-Dec-2018
Appears in Collections:Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) - Graduação - AGRONOMIA



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.