Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/3563
metadata.dc.type: Dissertação
Title: O ensino da Sociologia no Nível Médio e as contradições institucionais de sua obrigatoriedade
Other Titles: Teaching of Sociology in secondary education and institutional contradictions its obligatory
metadata.dc.creator: Florêncio, Maria Amélia de Lemos
metadata.dc.contributor.advisor1: Plancherel, Alice Anabuki
metadata.dc.contributor.referee1: Mayer, Ricardo
metadata.dc.contributor.referee2: Silva Sobrinho, Helson Flávio da
metadata.dc.description.resumo: O objetivo desta pesquisa é analisar as condições institucionais sob a qual ocorre a (re)inserção da sociologia no ensino médio, diante da atual condição de obrigatoriedade. A idéia central deste trabalho é contribuir com o conjunto de investigações sobre o ensino da Sociologia no Brasil e em específico no município de Maceió. Para tanto, buscamos analisar mais um momento sócio-histórico de seu processo de institucionalização no nível médio, refletindo acerca das contradições institucionais que cercam o processo de obrigatoriedade do ensino da sociologia no nível médio, ao mesmo tempo em que identificamos os principais desafios enfrentados na busca por sua legitimação neste nível de ensino. Utilizamos para o nosso debate os documentos oficiais – As Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio, Os Parâmetros Curriculares Nacionais e as Orientações Curriculares Nacionais – que orientam a educação brasileira. Ao mesmo tempo em que estabelecemos uma discussão teórica que envolve duas categorias do processo educacional e que se encontram configuradas pelo ensino da sociologia no nível médio que são elas: educação e ensino. No que diz respeito à situação local, utilizamos dados obtidos através da aplicação de questionários junto aos professores da rede pública e privada de ensino do município de Maceió, onde identificamos como está configurada a atual a consolidação de sua implementação em termos de condições efetivas de ensino/aprendizagem e de formação de professores para tal disciplina. Dessa forma, conclui-se que a prescrição legal não foi o suficiente para que a sociologia fosse respeitada enquanto disciplina fundamental para a formação dos jovens.
Abstract: The objective of this research is to analyse the institutional conditions under which occurs the (re) insertion of sociology in secondary education, on the current condition of obligatory. The central idea of this paper to contribute to given the research on the teaching of Sociology in Brazil and in particular in the city of Maceió. For this purpose, we analyze more a sociohistorical moment of its institutionalization process in the secondary education, reflecting about institutional contradictions surrounding the process of compulsory teaching of sociology secondary education, while we have identified the main challenges faced in the quest for legitimacy in this level of education. We use for our debate official documents – The National curriculum guidelines for high school, The National Curricular Parameters and the National Curriculum Guidelines – that guide the Brazilian education. While we have established a theoretical discussion which involves two categories of educational process and that are configured by the teaching of sociology in secondary education which are: education and teaching. On the local situation, we use data obtained through questionnaires to teachers from public and private schools of the city of Maceió, where we identify how is configured the current consolidation of its implementation in terms of effective conditions for teaching/learning and teacher training for this discipline. Thus, we conclude that the prescription was not cool enough to be respected that sociology as a discipline central to the formation of young people.
Keywords: Sociologia – Estudo e ensino
Ensino fundamental
Educação
Sociology - Study and Teaching
Secondary Education
Education
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::SOCIOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Alagoas
metadata.dc.publisher.initials: UFAL
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Sociologia
Citation: FLORÊNCIO, Maria Amélia de Lemos. O ensino da Sociologia no Nível Médio e as contradições institucionais de sua obrigatoriedade. 2011. 104 f. Dissertação (Mestrado em Sociologia) – Instituto de Ciências Sociais, Programa de Pós Graduação em Sociologia, Universidade Federal de Alagoas, Maceió, 2018.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/3563
Issue Date: 7-Apr-2011
Appears in Collections:Dissertações e Teses defendidas na UFAL - ICS



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.