00 CAMPUS ARISTÓTELES CALAZANS SIMÕES (CAMPUS A. C. SIMÕES) CEDU - CENTRO DE EDUCAÇÃO Dissertações e Teses defendidas na UFAL - CEDU
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufal.br/jspui/handle/riufal/365
Tipo: Dissertação
Título: O Lugar, a presença e o tratamento dado às mulheres no livro didático da EJA: espaço negado, espaço reivindicado
Título(s) alternativo(s): The place, the presence and treatment given to women in the texbook of EJA: denied place, place required
Autor(es): Costa, Dalva de Oliveira
Primeiro Orientador: Moura, Tania Maria de Melo
metadata.dc.contributor.referee1: Barretto, Elvira Simões
metadata.dc.contributor.referee2: Madeira, Maria das Graças de Loiola
Resumo: Este trabalho analisou o tratamento dado ás mulheres no Livro Didático (LD) da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e no ordenamento jurídico constituído pela CF/1988, pela LDBEN 9.394/96 e pelo PNE/2001, pelo Parecer CNE/CEB/2000 e pela a Declaração de Hamburgo: Agenda para o Futuro que balizam as políticas públicas educacionais para a área. Sua relevância consiste em sua dupla perspectiva: a de denúncia da invisibilidade das mulheres e a do anúncio da visibilidade e valorização das mesmas. Quanto ao percurso metodológico, este trabalho se inscreve no paradigma de pesquisa qualitativa, cuja análise do arcabouço legal foi realizada com auxílio da técnica de análise documental e da análise de conteúdo. A análise dos GT foi realizada com base na metodologia recomendada pela socióloga, pesquisadora do Centre Nationalde Recherche Scientifique (CNRS) da França, Andrée Michel em seu livro: Não aos estereótipos!: vencer o sexismo nos livros para crianças e nos manuais escolares . Os resultados da pesquisa apontam que apesar de a CF/88 representar um avanço significativo tanto no que se refere EJA, quanto à igualdade de direitos e deveres entre homens e mulheres, esses avanços são minimamente mantidos nos corpora do supracitado ordenamento e até ignorados no conjunto de sua operacionalização, visto que ao se analisar o capítulo II Da Educação Básica Seção V para a Educação de Jovens e Adultos da LDBEN/96, constata-se que há um silenciamento sobre a questão de gênero sobre as mulheres. Chega-se à conclusão de que esse silenciamento se deve à política de destituição de direitos efetivada pelo governo federal, de orientação neoliberal, que através de emendas constitucionais, decretos e medidas provisórias, interveio no processo de tramitação e da aprovação da LDBEN/96 e do PNE/2001, alterando a CF/98, e adequou esse ordenamento jurídico aos ditames do Banco Mundial. Quanto às mulheres no livro didático a pesquisa apontou pequenos, porém, significativos avanços
Abstract: This study examined the treatment given to women in Textbook (LD) of Youth and Adults (EJA) and the legal system consisting of CF/1988 by LDBEN 9.394/96 and the PNE/2001, by the CNE / CEB / 2000 and the Hamburg Declaration: Agenda for the Future guiding public policy education for the area. Its relevance lies in its dual perspective: the withdrawal of the invisibility of women and the announcement of the visibility and appreciation of them. As for the methodological approach, this work fits the paradigm of qualitative research, whose analysis of the legal framework was performed using the technique of document analysis and content analysis. The analysis of the GT was based on the methodology recommended by the sociologist, researcher at the Centre Nationalde Recherche Scientifique (CNRS) of France, Andrée Michel in his book: "No stereotypes!: Overcoming sexism in children/s books and textbooks" . The survey results indicate that although the CF/88 represent a significant advance both in terms EJA, for equality of rights and duties between men and women, these advances are minimally maintained in the aforementioned corporate planning and even ignored in all of its operation, since when analyzing Chapter II The Basic Education - Section V - for Youth and Adults of LDBEN/96, it appears that there is a silence on the issue of gender on women. We come to the conclusion that this silencing is due to the removal of rights policy effected by the federal government, the neo-liberal orientation that through constitutional amendments, decrees and provisional measures, intervened in the process of processing and approval of LDBEN/96 and PNE/2001 of changing the CF/98, and this law has adapted to the dictates of the World Bank. For women in the textbook research showed small, but significant advances
Palavras-chave: Land law
Gender relations
Youth and Adults
History of Women
Ordenamento jurídico
Relações de gênero
Educação de Jovens e Adultos
História da Mulher
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Alagoas
Sigla da Instituição: UFAL
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Educação
Citação: COSTA, Dalva de Oliveira. TO Lugar, a presença e o tratamento dado às mulheres no livro didático da EJA: espaço negado, espaço reivindicado. 2011. 184 f. Dissertação (Mestrado em Educação Brasileira) - Centro de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Alagoas, Maceió, 2011.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufal.br/handle/riufal/365
Data do documento: 31-ago-2011
Aparece nas coleções:Dissertações e Teses defendidas na UFAL - CEDU



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.