Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/6616
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Gênero e sexualidade no cotidiano escolar sob a perspectiva de professoras e professores
Other Titles: Gender and sexuality at everyday school under teacher perspectives
metadata.dc.creator: Silva, Jardiael Herculano da
metadata.dc.contributor.advisor1: Mesquita, Marcos Ribeiro
metadata.dc.contributor.referee1: Dantas, Benedito Medrado
metadata.dc.contributor.referee2: Junqueira, Telma Low Silva
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho traz uma reflexão acerca do lugar do gênero e da sexualidade na escola, reconhecendo-a como campo disputado por perspectivas educacionais de caráteres tradicional e crítico, a partir de um referencial teórico feminista. A escola é apresentada como instituição democrática, laica e plural organizada com base num sistema que apresenta aberturas através das quais se colocam possibilidades de intervenção para romper com a lógica (hetero)normatizadora. São abordadas questões relativas ao número crescente de campanhas antigênero levantadas, ao longo de pouco mais de duas décadas, enquanto desdobramentos do fenômeno da “ideologia de gênero”, impulsionado pelos setores reacionários, cujo discurso é reeditado e utilizado pelos movimentos políticos e Igreja. Tratou-se também de discorrer sobre os projetos de lei que têm proposto suprimir a menção do gênero e da sexualidade na política de educação e na sala de aula, bem como sua incidência nas formas sobre as quais a escola é pensada hoje. O estudo teve como objetivo geral analisar as compreensões de professoras/es no debate do gênero e da sexualidade no cotidiano escolar, além de a) refletir, dentro deste mesmo espaço, sobre o tratamento conferido a estes temas; b) identificar a compreensão de professoras/es sobre gênero e sexualidade; e c) analisar o entendimento de tais professoras/es sobre a “ideologia de gênero”. Os procedimentos metodológicos envolveram pesquisa de campo e o uso de instrumentos de observação participante, como diários de campo e entrevistas semiestruturadas com as/os participantes da pesquisa. Os materiais resultantes deste momento da pesquisa foram examinados através dos princípios da análise de conteúdo. Este percurso esteve apoiado nas propostas de produção de conhecimento, compreendido como fruto de produção coletiva, da epistemologia feminista pós-estruturalista e em aspectos da teoria queer, no que corresponde ao exercício do estranhamento da educação como método para pensar as práticas educacionais contemporâneas, a sexualidade e suas implicações no cenário escolar, delimitando, assim, os posicionamentos teórico e político do autor. A análise se deu com base na definição de três categorias que permitiram examinar os diversos pontos de vista de professoras/es sobre a discussão do gênero e da sexualidade na escola. Os resultados obtidos conformam um panorama do tratamento concebido ao gênero e à sexualidade na rotina institucional, seus atravessamentos nas práticas pedagógicas, e do conhecimento que as/os professoras/es detém sobre a “ideologia de gênero”.
Abstract: This work brings a reflection on the gender and sexuality place at the school, recognizing it as a field disputed by traditional and critics educational perspectives, from a feminist theoretical framework. The school is presented as a democratic, secular and plural institution organized on a system that shows gaps trough witch possibilities of intervention are placed to break with the (hetero)normative logic. Are approached questions on the growing number of raised campaigns anti-gender, over two decades, as a deployment of the “gender ideology” phenomena, driven by reactionary sectors, whose discourse is re-edited and used by political and church movements. Also about the bill projects that have proposed to suppress the gender and sexuality mention in the educational politics and classrooms, as well as their impact onto the forms in which school is thought today. It has as central objective to analyze the teachers comprehension on the gender and sexuality discussion at the daily school life, as well as a) reflect, from the same space, about the treatment given to these themes; b) identify teachers’ comprehension of gender and sexuality; and c) analyze these teachers comprehensions on the “gender ideology”. The methodological proceedings involved field research and the use of participant observation instruments, as field diaries and semi-structured interviews with research participants. The contents from this research moment were examined trough the content analysis principles. This course was supported by proposals of production of knowledge, understood as a fruit of collective production, of the poststructuralist feminist epistemology and queer theory aspects, as it corresponds to the exercise of the strangeness of education as a method to think the contemporary educational practices, the sexuality and it’s implications in the school, delimiting the author’s theoretical and political positions. The analysis was based on the definition of three categories that allowed to examine the different points of view of the teachers about the gender discussion and the sexuality in the school. The obtained results provide an overview of the treatment conceived to the gender and sexuality in the institutional routine, it’s crossings in pedagogical practices, and the knowledge that teachers have about the “gender ideology”.
Keywords: Identidade de gênero
Expressão de gênero
Identidade de gênero na educação
Sexualidade - Docente - Pontos de vista
Gender identity
Gender Expression
Gender identity in education
Sexuality - Teacher - Views
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Alagoas
metadata.dc.publisher.initials: UFAL
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Citation: SILVA, Jardiael Herculano da. Gênero e sexualidade no cotidiano escolar sob a perspectiva de professoras e professores. 2019. 139 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) – Instituto de Psicologia, Programa de Pós Graduação em Psicologia, Universidade Federal de Alagoas, Maceió, 2019.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/6616
Issue Date: 24-Sep-2019
Appears in Collections:Dissertações e Teses defendidas na UFAL - IP



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.