Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/5939
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Sentidos da vivência nas ruas: conversas com pessoas em situação de rua
Other Titles: Senses of living in the street: talks with people in street situation
metadata.dc.creator: Lopes, Paulyne Guimarães
metadata.dc.contributor.advisor1: Ribeiro, Maria Auxiliadora Teixeira
metadata.dc.contributor.referee1: Ribeiro, Flávia Regina Guedes
metadata.dc.contributor.referee2: Bernardes, Jefferson de Souza
metadata.dc.description.resumo: Tem como objetivo compreender o cotidiano de pessoas em situação de rua, suas táticas e estratégias para sobreviverem nas ruas de Maceió e sua relação com a política de assistência social voltada a esta população. Para tal, o estudo apoia-se no referencial teórico-metodológico das práticas discursivas e da produção de sentidos, fundamentado na perspectiva do Construcionismo Social. O procedimento para a construção das informações da pesquisa foi realizado por meio de entrevistas com quatro pessoas em situação de rua (PSR), usuárias do Centro de Referência Especializado para Pessoas em Situação de Rua (Centro POP) de Maceió, sendo dois homens e duas mulheres. Para a realização das análises, o estudo levou em consideração: a) os enunciados produzidos durante as entrevistas; b) os repertórios linguísticos que circulam na literatura científica sobre população em situação de rua e sobre políticas públicas de assistência social, os quais foram acessados em bases de dados; e c) a experiência da pesquisadora nesse contexto. Através das falas dos protagonistas deste estudo, foi possível compreender que a PSR utiliza, no seu dia a dia, diversas estratégias, reinventando espaços e objetos em seu cotidiano nas ruas. Além disso, busca, diariamente, alguns serviços ofertados pela Secretaria de Assistência Social (SEMAS), como suporte para dirimir as adversidades encontradas nas ruas, principalmente as necessidades básicas de alimentação e de higiene. As demandas dessa população apontam para a importância de ações articuladas entre a assistência social e as demais políticas públicas, promovendo a intersetorialidade.
Abstract: The aim of the present study was to understand the daily life of homeless people, their tactics and strategies to survive on the streets of Maceió, Brazil, and their relation with the social welfare policies implemented for this population. To that end, the study is based on the theoretical-methodological framework of discursive practices and the production of meanings, in accordance with the perspective of social constructivism. The procedure to compile information consisted of interviews with four homeless people (HP), two men and two women, enrolled in the Specialized Reference Center for Homeless People (Centro POP) of Maceió. For analyses, the study considered the following: a) the statements produced during the interviews; b) the linguistic repertoires contained in the scientific literature about homeless people and social welfare policies, which were obtained from databases; and c) the researcher’s experience in this context. The discourses of the HP demonstrated that they use a number of strategies, constantly reinventing spaces and objects in their everyday life on the streets. Furthermore, they regularly avail themselves to the services provided by the Social Welfare Department, seeking support to cope with the adversities encountered on the streets, primarily basic food and hygiene needs. The demands of this population show the importance of joint action between social welfare and other public policies, thereby promoting intersectoriality.
Keywords: Pessoas em situação de rua
Assistência social
Construcionismo social
Política pública
Homeless people
Social assistance
Social constructionism
Public policy
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Alagoas
metadata.dc.publisher.initials: UFAL
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Citation: LOPES, Paulyne Guimarães. Uma Sentidos da vivência nas ruas: conversas com pessoas em situação de rua. 2019. [143] f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) – Instituto de Psicologia, Programa de Pós Graduação em Psicologia, Universidade Federal de Alagoas, Maceió, 2019.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/5939
Issue Date: 4-Apr-2019
Appears in Collections:Dissertações e Teses defendidas na UFAL - IP

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Sentidos da vivência nas ruas - conversas com pessoas em situação de rua.pdf2,38 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.