Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/5504
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Acessibilidade espacial para usuários com deficiência visual em escolas municipais de Maceió
Other Titles: Accessibility for blind people in these three schools in city of Maceió
metadata.dc.creator: Santos, Maria Regina Gonçalves dos
metadata.dc.contributor.advisor1: Toledo, Alexandre Márcio
metadata.dc.contributor.referee1: Dischinger, Marta
metadata.dc.contributor.referee2: Manhas, Adriana Capretz Borges da Silva
metadata.dc.contributor.referee3: Moraes, Odair Barbosa de
metadata.dc.description.resumo: A legislação brasileira assegura o direito ao atendimento educacional às pessoas com deficiência nos espaços comuns de aprendizagem. Para garantir esse direito, o governo federal, por meio do Ministério da Educação, instituiu o Programa Escola Acessível como mecanismo de apoio aos Estados e Municípios para promoção da acessibilidade ao ambiente físico das escolas públicas. O Programa determina que os estabelecimentos de ensino devem orientar-se pelos princípios do Desenho Universal e pelas normas de acessibilidade da Associação Brasileira de Normas Técnicas e pelo Manual de Acessibilidade para Escolas, na adequação dos espaços físicos. Em Maceió, cerca de 40% das escolas do município encontram-se incluídas no Programa; em três escolas, o processo de adaptação das estruturas físicas já foi concluído. Diante desse contexto, esta pesquisa tem como objetivo avaliar as condições de acessibilidade física para deficientes visuais nessas três escolas contempladas pelo Programa na cidade de Maceió, a fim de verificar como esses usuários interagem nesses espaços e identificar se as soluções arquitetônicas existentes atendem às suas necessidades. Para alcançar os objetivos, a pesquisa utiliza uma abordagem qualitativa, aplicando as técnicas do Walkthrough, levantamento técnico, passeio acompanhado e entrevista estruturada com deficientes visuais. A aplicação dos diferentes métodos permitiu detectar que apesar dos significativos avanços na promoção da acessibilidade no ambiente escolar, ainda há muitos obstáculos à pessoa com deficiência visual. Embora haja instalação de pisos táteis em todas as escolas, esse elemento é apenas uma pequena parte no sistema de acessibilidade para o deficiente visual. Placas informativas em Braille, em alto-relevo, mapas táteis e a presença de equipamentos de tecnologia assistiva complementam esse sistema. E para que, de fato, o ambiente torne-se acessível, é necessário ir além desses mecanismos e compreender que elementos espaciais não percebidos pela visão podem ampliar a experiência espacial e contribuir para efetivação da acessibilidade para pessoas com deficiência visual. Espera-se que este estudo contribua para o aprimoramento dos parâmetros técnicos das normas de acessibilidade para ambientes escolares.
Abstract: Brazilian law guarantees the right of educational services for people with disabilities in learning spaces. To guarantee this right, the Federal Government, through the Education Ministry, established the Program ‗Accessible School‖ as a support for states and cities to promote accessibility to the physical environment of public schools. The program requires that educational institutions should be guided by the principles of Universal Design and accessibility standards by the Brazilian Association of Technical Standards on the adequacy of physical spaces. In Maceio, about 40% of schools are included in the program and in three of them the process of adaptation of the physical structures has been completed. The aim of this Master research in Architecture and Urbanism is to evaluate the conditions of physical accessibility for blind people in these three schools covered by the program in the city of Maceió, in order to check how these users interact in these spaces and identify whether the existing architectural solutions solve their needs. A qualitative approach is used, applying the techniques of the walkthrough, technical survey, ride together and structured interviews with blind people. The application of different methods allowed detecting that despite significant advances in giving accessibility in the school environment, there are still many obstacles for blind people. Although there is tactile flooring in all schools, this element is only a small part of the system accessibility for blind people. It was checked out that the lack of informative signs in Braille, embossed, tactile maps and the presence of assistive technology equipment undertake this system, not allowing the use of spaces with security and autonomy. We conclude that for the place‗s accessibly, it is necessary beyond these mechanisms and understand how space elements which are not noted by sight can extend spatial experience and contribute to the effectual accessibility for people with visual impairments. It is hoped that this study will contribute to the improvement of the technical parameters of accessibility standards for school environments.
Keywords: Acessibilidade espacial – Maceió (AL)
Deficiência visual – Maceió (AL)
Ambiente escolar – Maceió-AL
Spatial accessibility – Maceió (AL)
Visual impairment – Maceió (AL)
School environment – Maceió (AL)
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ARQUITETURA E URBANISMO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Alagoas
metadata.dc.publisher.initials: UFAL
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo
Citation: SANTOS, Maria Regina Gonçalves dos. Acessibilidade espacial para usuários com deficiência visual em escolas municipais de Maceió. 2019. 190 f. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo: Dinâmicas do Espaço Habitado) – Faculdade de Arquitetura, Programa de Pós Graduação em Arquitetura e Urbanismo, Universidade Federal de Alagoas, Maceió, 2013.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/5504
Issue Date: 7-Oct-2013
Appears in Collections:Dissertações e Teses defendidas na UFAL - FAU



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.