Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/4620
metadata.dc.type: Dissertação
Title: A gota d´água: a ocupação intralote na planície litorânea da cidade de Maceió -AL e o manejo das águas pluviais
metadata.dc.creator: Lôbo, Mariana Lima Lopes
metadata.dc.contributor.advisor1: Cavalcanti, Verônica Robalinho
metadata.dc.contributor.referee1: Ataide, Ruth Maria da Costa
metadata.dc.contributor.referee2: Souza, Vladimir Caramori Borges de
metadata.dc.contributor.referee3: Araújo, Lindemberg Medeiros de
metadata.dc.description.resumo: O processo de urbanização das cidades brasileiras foi marcado pela rapidez e por um planejamento urbano que não correspondeu às demandas deste contexto. Observou-se como consequência deste fenômeno um considerável aumento da impermeabilização do solo e a redução das áreas verdes, sobretudo nos espaços privados. No entanto, os instrumentos reguladores do uso e ocupação do solo introduzem no seu discurso o paradigma emergente da sustentabilidade. Muito embora encontre-se este contexto no discurso legal, os sistemáticos eventos de alagamentos constatados na planície litorânea da cidade de Maceió sugerem que a urbanização desta área, legitimada por esses instrumentos ordenadores do solo urbano, impactou significativamente o ciclo hidrológico natural. Partiu-se da hipótese que a questão levantada pode ser respondida através da análise da evolução da ocupação dos lotes particulares. Neste sentido, objetiva-se com esta pesquisa analisar nos períodos de 2002 e 2017 a ocupação intralote das áreas críticas de alagamento da planície litorânea de Maceió quanto aos parâmetros urbanísticos que interferem diretamente no manejo das águas pluviais. A fim de alcançar o objetivo pretendido foram necessárias as seguintes etapas de pesquisa: 1) construção do referencial teórico no que se refere à urbanização, drenagem urbana sustentável e indicadores; 2) caracterização climática, ambiental, social e legal da área de estudo; 3) análise da ocupação intralote das áreas críticas de alagamento nos anos de 2002 e 2017; 4) sistematização dos dados. Os resultados das análises demonstraram que o tipo de urbanização ocorrida nas áreas críticas de alagamento da bacia analisada é uma amostra do que ocorre em larga escala em toda a cidade. Constitui, portanto, um modelo de urbanização que contribui para a ocorrência dos eventos de alagamentos na cidade. Recomenda-se, portanto, uma revisão dos parâmetros urbanísticos a fim de regulamentar taxas de permeabilidade mais eficientes e de áreas verdes para viabilizar o controle da vazão na fonte.
Abstract: The Brazilian cities' urbanization process was characterized by the lack of appropriate planning. It has been noted that the consequence of this phenomenon is a considerable growth of the soil sealing and the green areas reduction, especially at private spaces. However, the regularity instruments to use and occupy the soil introduce a new paradigm in their statement: sustainability. Although this context is legally presented, the systematic events involving floods at Maceió’s coastal plain, for example, suggests that this area’s urbanization – legally backed by those urban soil regularity instruments mentioned – had a significant impact on the natural hydrological cycle. The initial hypostasis is that the answer could be found though the analysis of the evolution of the private lots’ occupation. Thereby, this research’s goal is to evaluate the soil occupation legally backed by the urban soil regularity instruments at Maceió’s coastal plain in what concerns the pluvial water management. Aiming to do that, it is presented the following research steps: 1) Develop the theoretical background for urbanization, sustainable urban drainage and indicators; 2) Climate, environmental, social and legal characterization of the studied subject; 3) Analysis of the in lot occupation at the critical flooding areas in 2002 and 2017; 4) Data systemization. The analysis’ results confirmed that the urbanization occurred at the watershed’s critical flooding areas contributed to the growth of flooding events at the area. With that being said, it is recommended a revision of the urbanity parameters aiming to regulate a more efficient permeability rate and also green areas to enable the flow control at the source.
Keywords: Planejamento urbano
Manejo das águas pluviais
Intralote
Planície litorânea – Maceió/AL
Urban Planning
Pluvial water management
Private lots
Coastal plain
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Alagoas
metadata.dc.publisher.initials: UFAL
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo
Citation: LÔBO, Mariana Lima Lopes. A gota d´água: a ocupação intralote na planície litorânea da cidade de Maceió -AL e o manejo das águas pluviais. 2018. 130 f. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo: Dinâmicas do Espaço Habitado) – Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo, Universidade Federal de Alagoas, Maceió, 2018.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/4620
Issue Date: 27-Mar-2018
Appears in Collections:Dissertações e Teses defendidas na UFAL - FAU



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.