00 CAMPUS ARISTÓTELES CALAZANS SIMÕES (CAMPUS A. C. SIMÕES) ICS - INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS Dissertações e Teses defendidas na UFAL - ICS
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufal.br/jspui/handle/riufal/3032
Tipo: Dissertação
Título: A batida no chão, o subir da poeira, o clamor da oração: pertencimento e memória na construção do Ritual de São Gonçalo
Título(s) alternativo(s): The beat of the ground up of the dust, the clamp of prayer: belonging and memory in the construction of the Ritual of São Gonçalo
Autor(es): Crisanto, Lays Eugenia Sampaio
Primeiro Orientador: Amorim, Siloé Soares
metadata.dc.contributor.referee1: Menezes, Anderson de Alencar
metadata.dc.contributor.referee2: Martins, Sílvia Aguiar Carneiro
Resumo: Combinando os estudos de antropologia religiosa, memória e performance, o texto examina o universo das inserções e negociações vivenciadas por um grupo de devotos de São Gonçalo, situado na região rural e serrana de Água Branca/AL. Interroga-se, neste aspecto, sob que condições o ritual da dança de devoção ao Santo passa a ser referência à construção das identidades coletivas (grupo portador) ao mesmo tempo que concebe alianças com outras comunidades, promovendo a continuidade da prática tradicional junto às novas gerações. Essa questão sugere, num primeiro momento, duas hipóteses: por um lado, que a construção dessas identidades coletivas responde a um universo de sociabilidade religiosa, em que práticas devocionais são significadas, vividas nas interações familiares e comunitárias que conjuntamente fomentam formas de agir e de pensar coletivamente; por outro lado, a proximidade dos atores locais, as relações de parentescos e a natureza dos pagamentos de promessas dão contributos às dinâmicas de enraizamento dessa prática mesmo quando articulada em contextos outros que não o religioso. Nesse sentido, a etnografia em profundidade e a observação participante foram indispensáveis, sobretudo, para o acompanhamento direto das mudanças que iam reconfigurando os sentidos e os episódios sucessivos das dinâmicas relacionadas a performance ritualística. Assim, percebeu-se que mesmo diante de adversidades, o grupo encontra em diferentes espaços de sociabilidade, formas inéditas e efetivas de ressonância a devoção ao santo.
Abstract: Combining the religious anthropology studies, memory and performance, the text examines the universe of the inserts and negotiations experienced by a group of devotees from São Gonçalo, located in the rural and mountainous region of Água Branca/AL. It is questioned, in this aspect, under what conditions the dance ritual of devotion to the Saint becomes a reference to the construction of collective identities (bearer group) while conceiving alliances with other communities, promoting the continuity of the traditional practice close to the new generations. This question suggests, at first glance, two hypotheses: on the one hand, that the construction of these collective identities responds to a universe of religious sociability, on which devotional practices are meant, experienced in the family and community interactions which jointly foster ways of acting and thinking collectively; on the other hand, the proximity of the local actors, the kinship relations and the nature of the payments of promises contribute to the dynamics of rooting this practice even when articulated in contexts other than religious. This way, in-depth ethnography and participant observation were indispensable, about everything, to the direct accompaniment of the changes that were reconfiguring the senses and the successive episodes of the dynamics related to ritualistic performance. Thus, it was noticed that even in the face of adversity, the group finds in different spaces of sociability, unprecedented and effective forms of resonance devotion to the saint.
Palavras-chave: Antropologia religiosa
Identidade coletiva
Ritual de dança
Tradição cultural – Água Branca (AL)
Religious anthropology
Collective Identity
Dance Ritual
Cultural tradition
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::ANTROPOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade Federal de Alagoas
Sigla da Instituição: UFAL
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social
Citação: CRISANTO, Lays Eugenia Sampaio. A batida no chão, o subir da poeira, o clamor da oração: pertencimento e memória na construção do Ritual de São Gonçalo. 2018. 142 f. Dissertação (Mestrado em Antropologia Social) – Instituto de Ciências Sociais, Programa de Pós Graduação em Antropologia Social, Universidade Federal de Alagoas, Maceió, 2017.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/3032
Data do documento: 6-Abr-2018
Aparece nas coleções:Dissertações e Teses defendidas na UFAL - ICS

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
A batida no chão, o subir da poeira, o clamor da oração.pdfA batida no chão, o subir da poeira, o clamor da oração: pertencimento e memória na construção do Ritual de São Gonçalo4.36 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.