Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/299
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Práticas de textualização na escola: limites ou possibilidades?
Other Titles: Teacher' text practice: limits or possibility?
metadata.dc.creator: Silva, Thatyana Angélica dos Santos
metadata.dc.contributor.advisor1: Oliveira, Eduardo Calil de
metadata.dc.contributor.referee1: Freitas, Marinaide Lima de Queiroz
metadata.dc.contributor.referee2: Amaral, Maria Virgínia Borges
metadata.dc.description.resumo: Nos últimos anos, o livro didático tem ocupado um importante espaço nas políticas públicas da educação brasileira e tem sido alvo de diversas pesquisas em todo país. No entanto, algumas críticas com relação à qualidade deste material didático são realizadas por vários estudiosos. Esta pesquisa tem o objetivo de analisar o uso que o professor faz das propostas de produção de texto do livro didático de português de 3ª série do Ensino Fundamental e as condições de produção oferecidas ao aluno. Para isso, analisamos os cinco LDP mais utilizados pelo município de Maceió e observamos a prática de textualização de cinco professores da rede municipal de ensino. Desse modo, considerando os fundamentos advogados pelos Parâmetros Curriculares Nacionais que orientam o processo de escritura, constatamos de que forma a prática do professor contribui para a formação de escritores competentes na escola. Neste sentido, no que concerne ao uso do livro didático, as propostas de produção de textos desenvolvidas a partir desse material são raras e, quando realizadas, atrela-se a uma prática tradicional em que pouco favorece a formação de escritores habilidosos com a linguagem escrita. O professor desenvolve atividades que não valorizam o caráter interacional da linguagem. Os textos são produzidos desprovidos de qualquer finalidade. Além disso, as oportunidades que os alunos encontram para produzir textos quer seja do Livro Didático de Português ou não, são insuficientes para a compreensão da complexa tarefa de produzir textos.
Abstract: Recently, the textbook has taken up an important position about public politics of Brazilian education and it has been a matter of several researches in all the country. However, some criticism about the quality of this teaching material is done by several studious people. This research has the purpose to analyze the use which the teacher makes of the proposal of text production of Portuguese textbook of third grade of fundamental teaching and production conditions that are provided for the students. We analyzed five textbooks, the most used textbooks in Maceio and we observed five teacher s text practice of Municipal Teaching. Therefore, considering fundamentals practiced by National Curriculum Standard which advises about writing process, we realized the teacher s practical way contributes to educate competent writers at school. Referring to textbook use, the proposals about text production developed from this material are rare and, when they are made, they are connected with a traditional practice which not favors the handy writer s formation with written language. The teacher develops activities which not value interretional character. The texts are produced without any purpose. Furthermore, the opportunities which the students find to produce texts, from a Portuguese textbook or not, are not enough to comprehend the complex task of producing texts.
Keywords: Text production
Textbook
Language teaching
Teaching practice
Produção de texto
Livro didático
Ensino de língua, Prática docente
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Alagoas
metadata.dc.publisher.initials: UFAL
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Educação
Citation: SILVA, Thatyana Angélica dos Santos. Práticas de textualização na escola: limites ou possibilidades?. 2008. 131 f. Dissertação (Mestrado em Educação Brasileira) - Centro de Educação, Programa de Pós Graduação em Educação, Universidade Federal de Alagoas, Maceió, 2008.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufal.br/handle/riufal/299
Issue Date: 11-Aug-2008
Appears in Collections:Dissertações e Teses defendidas na UFAL - CEDU

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Práticas de textualização na escola: limites ou possibilidades?.pdf6.6 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.