Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/2683
metadata.dc.type: Dissertação
Title: O homem e seu lugar: diálogos entre as práticas cotidianas e as demandas de consumo na cidade da Barra de São Miguel – AL
Other Titles: The man and his place: dialogues between daily practices and consumption demands in the town of Barra de São Miguel - AL
metadata.dc.creator: Ferreira, Luciano Lima
metadata.dc.contributor.advisor1: Couto, Maria Emília de Gusmão
metadata.dc.contributor.referee1: Scocuglia, Jovanka Baracuhy Cavalcanti
metadata.dc.contributor.referee2: Barbirato, Gianna Melo
metadata.dc.contributor.referee3: Ferrare, Josemary Omena Passos
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho apresenta os resultados da pesquisa de dissertação de mestrado submetida ao Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal de Alagoas. A investigação teve por objetivo conhecer o lugar do acontecer da vida do homem e suas trocas relacionais: como o homem – através de seus hábitos cotidianos – interage, percebe, usa e atribui significados aos espaços urbanos e, ao mesmo, tempo sofre influência do meio. Neste estudo, priorizou-se as relações habitante/cidade e habitante/habitante, portanto o lugar e a vida cotidiana aparecem tanto como conceitos principais quanto elementos componentes da vida praticada pelo homem. Assim, foi necessário construir um arcabouço teórico sobre a noção de lugar e de cotidiano e de outros conceitos correlatos para problematizar toda a investigação e encontrar a perspectiva de análise que melhor explicasse a realidade. Como recorte geográfico, para os estudos empíricos, foi escolhida a cidade da Barra de São Miguel, que é uma pequena cidade do litoral Sul de Alagoas, distante 33 km da capital. Seu território tem sofrido grandes transformações nos últimos anos devido à combinação de dois agentes do sistema capitalista moderno: atividade turística/empreendimento imobiliário. Os espaços transformados em espetáculo, a ser consumido, têm mudado não só as feições espaciais, mas interferido nas relações sociais e cotidianas, gerando novas formas relacionais (homem/espaço). Esta dinamização do território se reflete significativamente no dia a dia vivido pelo morador da cidade e, na forma como ele percebe, entende, conhece, vê e atribui significado aos lugares do cotidiano. Para chegar ao entendimento da realidade em estudo, foi elaborado instrumental metodológico – Teoria das Classificações Múltiplas, Representações Sociais e Itinerários Cotidianos –, com o qual se busca extrair, por meio de entrevistas, os elementos para compreender as representações e relações do homem com seu lugar, diante das insurgências dos agentes do consumo, produtores de lugares não-identitários e de pseudoconcepção do real. E como resultado obteve-se: As representações da Barra de São Miguel (e de qualquer cidade), na consciência do habitante, não são compostas apenas por meio do diálogo puro e simples entre o morador e o território da cidade. Os objetos (equipamentos urbanos) trazem consigo registros de forças exógenas àquele espaço, modelando-os e dando-lhe funcionalidades condizentes aos ditames mundiais. Estas forças – no caso da Barra de São Miguel – são exercidas pelo turismo, pelo mercado imobiliário e pelas políticas públicas adotadas no intuito de garantir o desenvolvimento destas atividades econômicas. Com este foco, as relações de consumo que se expressam e são identificadas nesta cidade têm como ênfase a apropriação exaustiva dos aspectos naturais, paisagísticos e culturais para fins turísticos e imobiliários. Trata-se da constituição de uma imagem midiática da cidade, supervalorizando os diferenciais e potenciais naturais, no intuito de agregar valor aos empreendimentos turísticos, e incutir, no visitante, o desejo de consumo do prazer e da diversão.
Abstract: This paper presents the results of the research dissertation submitted to the Graduate Program in Architecture and Urbanism, Federal University of Alagoas. The research aimed to know the place of the happening of human life and its relational exchanges, like the man - through their daily habits - interacts, perceives, uses and meanings attributed to urban spaces, and the same, time is influenced by the way . In this study, priority was given relations inhabitant/city and inhabitant/inhabitant, so the place and everyday life as both concepts appear as main component elements of life practiced by man. Thus, it was necessary to build a theoretical framework on the notion of place and daily life and other related concepts to discuss all the research and find the analytical perspective that best explain reality. As geographical cutout, to empirical studies, we chose the town of Barra de São Miguel, which is a small town in the southern coast of Alagoas, distant 33 km from the capital. Its territory has undergone major changes in recent years due to a combination of two agents of the modern capitalist system: tourism / farm estate. The spaces transformed into a spectacle to be consumed, have changed not only the spatial features, but interfered with the social relations and everyday life, creating new relational forms (man/space). This dynamism is reflected significantly in the territory on a daily basis by experienced city dweller, and the way he perceives, understands, knows, sees and gives meaning to everyday places. To come to an understanding of the reality under study was prepared methodological tools – Theory of Multiple Classifications, Social Representations and Everyday Itineraries – with which one seeks to extract, through interviews, the elements to understand the representations and relations of man with his place before the insurgencies of the agents of consumption, producers places no identity and false conception of reality. And as a result was obtained: Representations of Barra de São Miguel (and any city), in the consciousness of the inhabitants, are not composed only by pure and simple dialogue between the resident and the territory of the city. The objects (urban infrastructure) bring records of exogenous forces that space, shaping them and giving you features consistent with the dictates world. These forces – in the case of Barra de São Miguel – are pursued by tourism, the housing market and public policies adopted in order to ensure the development of these economic activities. With this focus, consumer relations that are expressed and are identified in this town have an emphasis on a comprehensive settlement of the natural, scenic and cultural tourism and real estate purposes. It is the creation of a media image of the city, overestimating the differences and potential natural in order to add value to tourism developments, and to instill in the visitor, consumer desire for pleasure and fun.
Keywords: Lugar identitário
Lugar não-identitário
Supermodernidade
Cotidiano urbano
Crescimento urbano-Consumo
Place identity
Place non-identity
Supermodernity
Urban everyday life
Urban-consumption
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ARQUITETURA E URBANISMO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Alagoas
metadata.dc.publisher.initials: UFAL
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo
Citation: FERREIRA, Luciano Lima. O homem e seu lugar: diálogos entre as práticas cotidianas e as demandas de consumo na cidade da Barra de São Miguel – AL. 2012. 138 f. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo: Dinâmicas do Espaço Habitado) – Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, Universidade Federal de Alagoas, Maceió, 2012.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/2683
Issue Date: 15-Jun-2012
Appears in Collections:Dissertações e Teses defendidas na UFAL - FAU

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
O homem e seu lugar_ diálogos entre as práticas cotidianas e as demandas de consumo na cidade da Barra de São Miguel – AL.pdfO homem e seu lugar: diálogos entre as práticas cotidianas e as demandas de consumo na cidade da Barra de São Miguel – AL8.45 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.