Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/1309
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Relações de trocas em redes socioespaciais de assentamentos precários autogestionados: Conjunto Vitória em Maceió, AL.
Other Titles: Exchange relations in socio-spatial networks of self-managed slums: the Conjunto Vitória, Maceió, AL.
metadata.dc.creator: Souza, Sofia Pessoa Lira
metadata.dc.contributor.advisor1: Albuquerque, Augusto Aragão de
metadata.dc.contributor.referee1: Hidaka, Lúcia Tone Ferreira
metadata.dc.contributor.referee2: Moraes, Odair Barbosa de
metadata.dc.contributor.referee3: Souza, Vânia Rocha Fialho de Paiva e
metadata.dc.description.resumo: As redes de sociabilidade informais têm se constituído como instrumentos de combate à pobreza em assentamentos precários, suprindo a ineficácia do Estado em conceder ativos básicos necessários para a sobrevivência de sua população. Sob esta lógica, o grupo de pesquisa Urbe desenvolveu, no Conjunto Vitória em Maceió-AL, uma metodologia para identificação de redes socieoespaciais a fim de legitimá-las frente às políticas públicas de habitação. Inserida nesse contexto, esta dissertação objetiva caracterizar as relações de troca que ocorrem em redes socioespaciais de apoio à permanência em assentamentos precários autogestionados, trata-se de uma pesquisa qualitativa e descritiva, de caráter exploratório, na qual foi utilizado o procedimento de Estudo de Caso. Como critério de escolha do objeto empírico deste trabalho, buscou-se, dentre a rede total de domicílios estudados pelo Urbe, aquele que possuísse o maior número de indicações e apresentasse maior representatividade para o Conjunto Vitória. O Domicílo 52D foi apresentado em condição de centralidade no conjunto e sua rede de sociabilidade foi utilizada para aplicação de entrevistas semiestruturadas, a fim de obter respostas sobre as principais questões da pesquisa: o histórico daquela ocupação e os diferentes níveis de interação social e relações de trocas que ali ocorrem. Sabe-se que a confiança, a igualdade de carências, a falta de recursos e a proximidade de residência são requisitos importantes para as interações em ambientes precários, neste sentido, a construção de habitus ajuda a entender as razões pelas quais indivíduos se ajudam na vida cotidiana. Desta forma, para a análise e interpretação dos dados, foi utilizado como critérios de categorização das relações de troca os tipos de valores descritos por Baudrillard, buscando identificar expressões nas falas dos entrevistados que os caracterizassem. Como resultado, observou-se que na rede de sociabilidade, do domicílio estudado, as relações de seus participantes podem ser regidas pelos três tipos de valores investigados por esta pesquisa: valor de troca, troca simbólica e valor de signo.
Abstract: Informal social networks have been established as instruments to combat poverty in slums, supplying the ineffectiveness of the State to provide basic assets necessary for the survival of its population. Under this logic, the Urbe research group developed, in “Conjunto Vitória” - Maceió-AL, a methodology for identifying social-spatial networks in order to legitimize them in the face of public housing policies. Inserted in this context, this dissertation aims to characterize the exchange relations that occur in socio-spatial networks that support the permanency in self-managed slums, it is a qualitative and descriptive research, with an exploratory character, in which was used the Case Study. As a criterion of choice of the empirical object of this study, was sought, among the total households surveyed by Urbe, one who possessed the most nominations and presented greater representation for the “Conjunto Vitória”. The Domicile 52D was presented in a position of centrality in the set and its sociability’s network was used for application of semi-structured interviews in order to get answers on the main questions of the research: the history of that occupation and the different levels of social interaction and exchanges relations that occur there. It is known that trust, equality shortages, lack of resources and residence’s proximity are important requirements for interactions in disadvantaged environments, in this way, the construction of habitus helps to understand the reasons why individuals helps each other in every day’s life. Thus, for the analysis and data’s interpretation, types of values described by Baudrillard were used to categorize, seeking to identify expressions in the interviewed person’s speeches that characterizes them. As a result, it was observed that the sociability’s network, of the Domicile studied, that relations of its participants can be governed by three types of values investigated by this research: Exchange Value, Symbolic Exchange and Sign Value.
Keywords: Estudos de habitação
Assentamentos precários
Redes socioespaciais
Troca simbólica
Valor de signo
Conjunto Vitória - Maceió, AL
Housing studies
Slums
Socio-spatial networks
Symbolic exchange
Exchenge value
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ARQUITETURA E URBANISMO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Alagoas
metadata.dc.publisher.initials: UFAL
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo
Citation: SOUZA, Sofia Pessoa Lira. Relações de trocas em redes socioespaciais de assentamentos precários autogestionados: Conjunto Vitória em Maceió, AL. 2015. 79 f. Dissertação (Mestrado em Dinâmicas do Espaço Habitado) - Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo, Universidade Federal de Alagoas, Maceió, 2015.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/1309
Issue Date: 15-Sep-2015
Appears in Collections:Dissertações e Teses defendidas na UFAL - FAU



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.