Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/1251
metadata.dc.type: Dissertação
Title: A perversão como sintoma social: leituras entre Freud e Melman
Other Titles: Perversion as a social symptom: readings among Freud and Melman
metadata.dc.creator: Barbosa, Juliana Falcão
metadata.dc.contributor.advisor1: Lang, Charles Elias
metadata.dc.contributor.referee1: Zanotti, Suzane Vasconcelos
metadata.dc.contributor.referee2: Queiroz, Edilene Freire de
metadata.dc.description.resumo: Esta pesquisa tem como objetivo o estudo da perversão, abordando-a como sintoma social. Insere-se na linha de pesquisa intitulada Saúde, Clínica e Práticas Psicológicas, compreendendo a clínica como um campo de investigação através do qual é possível ter acesso aos fenômenos sociais e aos discursos que circulam em determinada época. Esta dissertação é composta de trabalhos com textos, sendo explicitadas as modalidades de leitura utilizadas, de modo que os textos são tomados como objeto de estudo. É realizada uma discussão acerca de questões relacionadas à posição do autor e do leitor no texto, à leitura, releitura, tradução, interpretação e desconstrução. Trabalha-se com a pesquisa em psicanálise, utilizando uma estratégia de leitura próxima e desconstrutiva, partindo da perspectiva de que os sentidos são construídos a partir da leitura, em relação e diálogo com o próprio texto e com outras leituras. Foi discutido o conceito de sintoma social, explicitando como este é abordado por autores diferentes, no intuito de fazer uma leitura acerca de como este se relaciona à perversão. Foram registradas também as associações feitas com textos de autores importantes no campo da psicanálise e na abordagem da perversão. Optou-se por trabalhar, fundamentalmente, com dois autores – Sigmund Freud e Charles Melman – que, partindo da clínica psicanalítica, abordam a perversão de formas diferentes. Foi realizada uma leitura desconstrutiva dos Três ensaios sobre a teoria da sexualidade (1905), de Freud; e de O homem sem gravidade: gozar a qualquer preço (2003), de Melman.
Abstract: This research aims to study perversion, approaching it as a social symptom. It integrates the line of research called Health, Clinic and Psychological Practices, understanding the clinic as a field of investigation through which it is possible to have access to the current social phenomena and discourse. This dissertation is composed by works with texts, in which we make explicit different forms of reading, and the texts are taken as objects of study. We carry a discussion about concepts related to the position of the author and the reader, reading, translation, interpretation and deconstruction. We work with research in psychoanalysis using a close and deconstructive reading strategy, based on the perspective that the meanings are built through the reading, in relation to, and dialoging with the text itself and with other readings. We discuss the social symptom concept, exposing how it is approached by different authors, aiming to connect it to perversion. We also register the associations made with texts by important authors in the field of psychoanalysis and in the approach of perversion. We opted to work, fundamentally, with two authors – Sigmund Freud and Charles Melman – who, coming from the psychoanalytical clinic, approach perversion in different ways. We did a deconstructive reading of the Three Essays on the Theory of Sexuality (1905) by Freud; and of the Man Without Gravity (2003), by Melman.
Keywords: Perversão
Psicologia
Sintoma social
Freud
Melman
Psicanálise
Perversion
Social symptom
Psychoanalysis
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Alagoas
metadata.dc.publisher.initials: UFAL
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Citation: BARBOSA, Juliana Falcão. A perversão como sintoma social: leituras entre Freud e Melman. 2013. 159 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) – Instituto de Psicologia, Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Universidade Federal de Alagoas, Maceió, 2013.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/1251
Issue Date: 26-Mar-2013
Appears in Collections:Dissertações e Teses defendidas na UFAL - IP

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
A perversão como sintoma social....pdf947.26 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.