Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/1107
metadata.dc.type: Dissertação
Title: A comercialização de produtos orgânicos como alternativa para a geração de sustentabilidade aos agricultores familiares
Other Titles: The comercialization of organic product as alternative for the sustentability generation to the family farmers
metadata.dc.creator: Barbosa, Luciano Celso Brandão Guerreiro
metadata.dc.contributor.advisor1: Lages, André Maia Gomes
metadata.dc.contributor.referee1: Brandenburg, Alfio
metadata.dc.contributor.referee2: Lustosa, Maria Cecília Junqueira
metadata.dc.description.resumo: A agricultura orgânica é um paradigma de produção que está sendo muito discutido pela academia e pelos agentes econômicos (empresas, governos e consumidores). Esse modelo de produção ainda está aprimorando seus pilares teóricos e produtivos. Existem diversos gargalos que dificultam a consolidação e expansão desse segmento. A comercialização é um desses gargalos, principalmente para um sistema produtivo que procura ser sustentável, pois como um sistema produtivo poderá ser considerado sustentável se não gerar benefícios sociais, econômicos e ambientais para os seus participantes. Diante desse contexto, esta dissertação buscar avaliar se a comercialização direta de produtos orgânicos pode ser uma alternativa para a geração de sustentabilidade aos agricultores familiares. Para que essa pergunta fosse respondida foi necessária à análise do comportamento do segmento orgânico alagoano, tendo como base de referência a Feira Agroecológica de Maceió e os agricultores familiares, com estabelecimentos menores que 5 hectares, articulados a esse ponto de venda varejista particular. Assim, essa pesquisa chegou à conclusão de que a agricultura orgânica é uma alternativa viável aos agricultores familiares, pois permite se alcançar a desejada sustentabilidade econômica, social e ambiental. A comercialização, todavia, é o principal fator limitante a consolidação e expansão desse segmento, em Alagoas. Sendo assim, cabe aos governantes fomentar esse segmento produtivo por meio de políticas específicas para a organocultura e por meio do fortalecimento do ambiente institucional. A fixação do homem no campo faz parte dessa necessidade e de todo um país, em busca de um modelo de desenvolvimento sustentável.
Abstract: The organic agriculture is a production paradigm that is being currently discussed by the academy and economic agents (companies, governments and consumers) This production model is evolving its theoretical approach. However, several barriers obstruct the consolidation and expansion of this segment. The commercialization is one of them, especially for a productive system that seeks to be sustainable, how can a productive system be considered sustainable if it does not generate social, economical and environmental benefits for its players. In this context, this dissertation seeks to evaluate if the direct commercialization of organic products can be an alternative to generate sustainable income for the family farmers. To do so, this essay analyzed the behavior of the Alagoas organic segment, having as a reference the Feira Agroecológica de Maceió as well as the family farmers with properties until 5 hectares with commercial articulation to the Feira. Thus, the research concluded that the organic agriculture is a feasible alternative to family farmers, because it allows to reach economic, social and environmental sustainability. The commercialization, however, is the main limiting factor for the consolidation and expansion of this segment in Alagoas. Therefore, it depends on the rules to foment this productive segment through specific policies for the organic agriculture and the institutional parameters. Settle down the man in rural areas
Keywords: Agricultura orgânica
Comercialização agrícola
Sustentabilidade
Agricultura familiar
Ambiente institucional
Organic agriculture
Agricultural commercialization
Sustainability
Family agriculture
Institutional environment
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::OUTROS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Alagoas
metadata.dc.publisher.initials: UFAL
metadata.dc.publisher.department: Desenvolvimento sustentável Regional
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente
Citation: BARBOSA, Luciano Celso Brandão Guerreiro. The comercialization of organic product as alternative for the sustentability generation to the family farmers. 2007. 262 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento sustentável Regional) - Universidade Federal de Alagoas, Maceió, 2007.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufal.br/handle/riufal/1107
Issue Date: 21-Aug-2007
Appears in Collections:Dissertações e Teses defendidas na UFAL - IGDEMA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DissertacaoLucianoCelsoBrandaoGuerreiroBarbosa.pdf1,11 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.