00 CAMPUS ARISTÓTELES CALAZANS SIMÕES (CAMPUS A. C. SIMÕES) CECA - CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) - GRADUAÇÃO - CECA Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) - Graduação - AGRONOMIA - CECA
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufal.br/jspui/handle/riufal/5179
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Título: Crescimento de rizóforos micropropagados de inhame branco (Dioscorea sp.) em condições de campo
Título(s) alternativo(s): Growth of micropropagated rhizophores of white yam (Dioscorea sp.) Under field conditions
Autor(es): Silva, Wallisson José da
Primeiro Orientador: Lemos, Eurico Eduardo Pinto de
metadata.dc.contributor.referee1: Lemos, Eurico Eduardo Pinto de
metadata.dc.contributor.referee2: Trindade, Roseane Cristina Predes
metadata.dc.contributor.referee3: Rezende, Leila de Paula
Resumo: O inhame (Dioscorea sp.) é uma planta de origem africana pertencente à família Dioscoreaceae. Seus rizóforos possuem um elevado valor nutritivo e comercial, são ricos em diversas vitaminas do complexo B, carboidratos (principalmente o amido) e minerais. Graças a esses altos índices nutritivos, a cultura do inhame vem sendo explorada não só para alimentação, mas também em outros setores da economia, tais como, a indústria farmacêutica que é utilizado para a produção de suplementos alimentares e vitamínicos, servindo também como complemento para outros produtos farmacêutios. Embora seja cultivada em diferentes regiões do Brasil, a cultura apresenta importante papel socioeconômico na região Nordeste, sendo caracterizada como uma atividade agrícola tipicamente familiar, que está diretamente ligada à alimentação local, tornando-se assim fonte empregadora de mão-de-obra no meio rural, gerando renda, trazendo desenvolvimento e vários benefícios para o povo nordestino. Tendo em vista a importância socioeconômica da cultura do inhame, este trabalho foi proposto para investigar algumas características técnicas de minirizóforos de inhame de diversos pesos produzidos através de técnicas de micropropagação e compará-los com rzóforos-sementes convencionais. Para tanto, o experimento foi realizado no Centro de Ciências Agrárias (CECA-UFAL) em Rio Largo, Alagoas, onde os rizóforos micropropagados através de cultura de tecidos, foram divididos em 7 tratamentos de acordo com o peso inicial de cada rizóforo, em seguida foram plantados em campo junto com o único tratamento de rizóforos seccionados originários de plantio comercial, totalizando, assim, 8 tratamentos. Após nove meses foi realizada a colheita dos rizóforos produzidos, sendo avaliadas as seguintes características agronômicas: peso final, diâmetro e comprimento. Com isso, as avaliações demostraram que os rizóforos de origem microropagada obtiveram um ganho de peso, tamanho e diâmetro considerável, ficando paralelo aos resultados atingidos pelos rizóforos de origem comercial.
Abstract: The yam (Dioscorea sp.) Is a plant of African origin belonging to the Dioscoreaceae family. Its rhizophores have a high nutritional and commercial value, are rich in various B vitamins, carbohydrates (mainly starch) and minerals. Thanks to these high nutrient levels, the yam crop is being explored not only for food, but also in other sectors of the economy, such as the pharmaceutical industry used for the production of food and vitamin supplements. other pharmaceutical products. Although cultivated in different regions of Brazil, the crop has an important socioeconomic role in the Northeast, being characterized as a typical family farming activity, which is directly linked to local food, thus becoming a source of labor in the middle rural, generating income, bringing development and several benefits to the Northeastern people. Considering the socioeconomic importance of the yam crop, this work was proposed to investigate some technical characteristics of yam rhizophores of different weights produced by micropropagation techniques and to compare them with conventional seed-breeding. The experiment was carried out at the Agrarian Sciences Center (CECAUFAL) in Rio Largo, Alagoas, where the micropropagated rhizophores were cultured in 7 treatments according to the initial weight of each rhizophor, were planted in the field together with the only treatment of sexioned rhizophores originating from commercial planting, thus totaling 8 treatments. After nine months, the rhizophores produced were harvested and the following agronomic characteristics were evaluated: final weight, diameter and length. Thus, the evaluations showed that the rhizophores of microrophage origin obtained a gain of weight, size and considerable diameter, being parallel to the results reached by the rhizophores of commercial origin.
Palavras-chave: túbera-semente
micropropagação
cultura de tecidos
seed tuft
micropropagation
tissue culture
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade Federal de Alagoas
Sigla da Instituição: UFAL
metadata.dc.publisher.department: Curso de Agronomia
Citação: SILVA, Wallisson José da. Crescimento de rizóforos micropropagados de inhame branco (Dioscorea sp.) em condições de campo. 2019. 26 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Agronomia) – Centro de Ciências Agrárias, Curso de Agronomia, Universidade Federal de Alagoas, Rio Largo, 2019.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/5179
Data do documento: 20-mar-2019
Aparece nas coleções:Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) - Graduação - AGRONOMIA - CECA

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Crescimento de rizóforos micropropagados de inhame branco (Dioscorea sp.) em condições de campo.pdf1.01 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.