00 CAMPUS ARISTÓTELES CALAZANS SIMÕES (CAMPUS A. C. SIMÕES) CECA - CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS Dissertações e Teses defendidas na UFAL - CECA
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufal.br/jspui/handle/riufal/5016
Tipo: Dissertação
Título: Manejo da produção de raiz e colo em coentro (coriandrum sativum L.)
Título(s) alternativo(s): Management of root ofrot andstemin coriander (Coriandrum sativum L.)
Autor(es): Rocha, Alex Oliveira
Primeiro Orientador: Lima, Gaus Silvestre de Andrade
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Martins, Ricardo Brainer
metadata.dc.contributor.referee1: Michereff, Sami Jorge
metadata.dc.contributor.referee2: Martins, Ricardo Brainer
metadata.dc.contributor.referee3: Amorim, Edna Peixoto da Rocha
Resumo: O coentro (Coriandrum sativum L.) é uma das principais folhosas produzidas na região agreste de Alagoas. É uma olerícola folhosa condimentar que possui propriedades antibacteriana, antifúngica e antioxidante. Nos últimos anos, produtores da região têm enfrentado redução na produção devido a morte de plântulas, as quais apresentam lesões necróticas no colo e raízes. Em trabalhos recentes foi comprovada a patogenicidade das seguintes espécies encontradas em associação com plantas doentes: Rhizoctonia solani, Pythium irregulare, Fusarium inflexum, F. lacertarum e F. falciforme. Entretanto, a importância relativa deles como fitopatógenos não foi estimada, bem como alternativas de manejo não foram prospectadas. Assim, os objetivos deste trabalho foram: verificar a virulência dos isolados fitopatogênicos previamente caracterizados e avaliar a eficácia de duas estratégias de manejo: resistência genética de variedades comerciais e emprego de solarizador para desinfestação de solo. Com este fim, três experimentos distintos foram conduzidos. No primeiro, foi avaliada a virulência de R. solani, P. irregulare, F. inflexum, F. lacertarum e F. falciforme à variedade Verdão. No segundo, a suscetibilidade de 7 variedades comerciais de coentro aos mesmos isolados testados no primeiro experimento foi estimada. E, no terceiro, a eficácia em reduzir a ocorrência de podridão de raiz e colo por meio de tratamento térmico de solo em solarizador foi avaliada. Para todos os experimentos as seguintes variáveis foram consideradas: tombamento de pré-emergência, tombamento de pós-emergência, emergência, matéria seca total, matéria seca/planta, altura de plantas, incidência e severidade. Houve diferença de virulência entre isolados, sendo significativamente os de maior virulência: P. irregulare e F. falciforme. Com relação às variedades, houve interação entre isolados versus variedades em função da variável analisada. O uso do coletor solar foi eficiente para reduzir a podridão de raiz e colo.
Abstract: Coriander (Coriandrum sativum L.) is one of the main hardwoods produced in the rugged region of Alagoas. It is a seasoning olive grove that has antibacterial, antifungal and antioxidant properties. In recent years farmers in the region have faced reduced production due to death of seedlings, which have necrotic lesions in the cervix and roots. In recent works the pathogenicity of the following species found in association with diseased plants: Rhizoctonia solani, Pythium irregulare, Fusarium inflexum, F. lacertarum and F. falciforme have been demonstrated. However, their relative importance as phytopathogens was not estimated, nor were management alternatives prospected. Thus, the objectives of this work were: to verify the virulence of previously characterized phytopathogenic isolates and to evaluate the efficiency of two management strategies: genetic resistance of commercial varieties and use of solarizer for soil disinfestation. To this end, three distinct experiments were conducted. In the first one, the virulence of R. solani, P. irregulare, F. inflexum, F. lacertarum and F. falciforme to the Verdão variety was evaluated. In the second, the susceptibility of 7 commercial strains of coriander to the same isolates tested in the first experiment was estimated. And, in the third, the efficiency in reducing the occurrence of root rot and colon rot by means of thermal treatment of soil in solarizer was evaluated. For all experiments, the following variables were considered: preemergence damping-off, post-emergence damping-off, emergence, total matter fresh, matter fresh / plant, plant height, incidence and severity. There was a difference in virulence between isolates, being significantly the ones with the greatest virulence: P. irregulare and F. falciforme. Regarding the varieties, there was interaction between isolates versus varieties as a function of the variable analyzed. The use of the solar collector was efficient to reduce root rot and colon rot.
Palavras-chave: Coentro - Produção
Resistência genética
Estratégias de manejo
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIA::MANEJO E TRATOS CULTURAIS
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade Federal de Alagoas
Sigla da Instituição: UFAL
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Proteção de Plantas
Citação: ROCHA, Alex Oliveira. Manejo da produção de raiz e colo em coentro (coriandrum sativum L.). 2019. 55 f. Dissertação (Mestrado em Proteção de Plantas) - Centro de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Proteção de Plantas, Universidade Federal de Alagoas, Rio Largo, 2017.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/5016
Data do documento: 18-ago-2017
Aparece nas coleções:Dissertações e Teses defendidas na UFAL - CECA

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Manejo da produção de raiz e colo em coentro (coriandrum sativum L.).pdf1.21 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.