Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufal.br/handle/riufal/1174
Tipo: Dissertação
Título: Desenvolvimento de metodologia para cálculo de ecoindicadores para indústrias químicas
Título(s) alternativo(s): Development of methodology for calculation of ecoindicators for chemical industries
Autor(es): Palmeira, Vito Alexandre Araújo
Primeiro Orientador: Carvalho, Sandra Helena Vieira de
Primeiro Coorientador: Tavares Neto, Júlio Inácio Holanda
Primeiro Membro da Banca: Soletti, João Inácio
Segundo Membro da Banca: Nicácio, José Jailson
Resumo: Com a cobrança da sociedade quanto às questões ambientais e a exigência de se produzir mais utilizando cada vez menos recursos, surgiu a necessidade de elaborar uma maneira para que as empresas pudessem mensurar seus impactos ambientais. Um instrumento para análise da sustentabilidade da indústria que indica uma relação entre atividades econômicas e seu custo ou impacto ambiental é a utilização ecoindicadores, também conhecidos como indicadores de ecoeficiência. Os indicadores se baseiam em princípios, que lhes asseguram a relevância ambiental, a precisão e a utilidade em todos os negócios a nível mundial. O objetivo primordial é melhorar o desempenho do negócio e monitorá-lo com medições verificáveis e, consequentemente, relevantes, tanto para os gestores do negócio, como para as diversas partes interessadas. Os ecoindicadores se mostram uma ferramenta importante na gestão das empresas, auxiliando na identificação de desperdícios e impactos desnecessários, tanto ao meio ambiente quanto à economia do negócio. Com uma análise detalhada pode-se avaliar oportunidades de melhoria, acompanhar desempenho e traçar metas com base nos resultados. Atualmente muitas empresas do ramo industrial químico utilizam os ecoindicadores como uma maneira de acompanhar a evolução de sua eficiência ambiental com base em seu próprio histórico. O grande desafio é estabelecer um padrão no cálculo dos ecoindicadores para a empresa ou Unidade industrial que está sendo avaliada e que se torne possível obter números que representem a realidade da eficiência ambiental do negócio. Isso seria extremamente vantajoso para as empresas, pois valoriza as iniciativas para reduzir o consumo desnecessário e os impactos ambientais associados à produção, estimulando a competitividade e buscando uma melhor eficiência ambiental. Este trabalho tem como objetivo elaborar uma metodologia de cálculo para os ecoindicadores de indústrias químicas. Desta forma, foi feito um levantamento das equações e conceitos existentes na literatura, buscando as premissas necessárias para o cálculo. Houve dificuldade para determinar uma equação que represente de forma efetiva o consumo de recursos naturais e geração de rejeitos, relacionando ao custo de produção. No estudo de caso as equações propostas foram aplicadas em algumas unidades industriais de uma empresa produtora de resinas termoplásticas, sendo feito um comparativo com a prática de acompanhamento já existente. Os resultados se mostraram bastante positivos, pois a metodologia proposta apresenta um maior nível de detalhamento dos ecoindicadores, de acordo com a avaliação qualitativa realizada e sua aplicação, tornou possível uma análise do desempenho ambiental das unidades avaliadas. Além disso, algumas das premissas propostas já foram implementadas na empresa analisada, dando origem a um novo procedimento de cálculo.
Abstract: With the press of the society on environmental issues and the requirement to produce more using fewer resources, became necessary to develop a way for companies to measure their environmental impacts. An instrument for examining the sustainability of the industry that indicates a relationship between economic activities and their cost or environmental impact is to use ecoindicators, also known as eco-efficiency indicators. The indicators are based on principles that ensure their environmental relevance, accuracy and usability in every business worldwide. The primary goal is to improve business performance and monitor it with verifiable measurements and thus relevant for both business managers and for the various stakeholders. The ecoindicators show themselves as been an important tool in the management of companies, assisting in the identification of waste and unnecessary, so the environment as the economy affects the business. With detailed analysis can assess opportunities for improvement, monitor performance and set goals based on the results. Currently many companies in the industrial chemical sector use the eco-indicators as a way to track the evolution of its environmental efficiency based on its own history. The challenge is to establish a standard for the calculation of ecoindicators for business or industrial unit and it becomes possible to obtain figures that represent the reality of the environmental efficiency of the business. That would be extremely advantageous to companies because it values the initiatives to reduce unnecessary consumption and environmental impacts associated with the production, stimulating competitiveness and seeking better environmental efficiency. This work aims to develop a methodology for calculating the eco-indicators of the chemical. Thus, a survey of existing equations and concepts in the literature was done by seeking the necessary assumptions for the calculation. It was difficult to determine an equation that represents effectively the consumption of natural resources and generation of waste, relating to the cost of production. In the case study the proposed equations were applied to some industrial units a producer of thermoplastic resins, being made a comparison with the existing practice of monitoring. The results were very positive, as the proposed methodology provides a higher level of detail of ecoindicators, according to the qualitative assessment conducted and its application has made possible an analysis of the environmental performance of the units. Moreover, some of the assumptions proposals have already been implemented in the company analyzed, yielding a new calculation procedure.
Palavras-chave: Engenharia Química
Ecoindicadores
Indicadores de Ecoeficiência
Sustentabilidade
Ecoindicators
Eco-efficiency Indicators
Sustainability
CNPq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA QUIMICA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade Federal de Alagoas
Sigla da Instituição: UFAL
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Engenharia Química
Citação: PALMEIRA, Vito Alexandre Araújo. Desenvolvimento de metodologia para cálculo de ecoindicadores para indústrias químicas. 2014. 71 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Química) – Centro de Tecnologia, Programa de Pós Graduação em Engenharia Química, Universidade Federal de Alagoas, Maceió, 2014.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufal.br/handle/riufal/1174
Data do documento: 28-Abr-2014
Aparece nas coleções:Dissertações e Teses defendidas na UFAL - CTEC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Desenvolvimento de metodologia para cálculo de ecoindicadores para indústrias químicas.pdf1,43 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.